Ciclista

Conheça os principais músculos que você exercita ao andar de bike

Quais os músculos que você exercita ao andar de bike? Já se fez essa pergunta? Além de todos os benefícios que o ciclismo traz para o bem-estar, pedalar também ajuda a ganhar musculatura. 

Isso porque os músculos no ciclismo são muito exigidos, especialmente dos membros inferiores e do core.

Quer entender mais sobre essa vantagem extra que o ciclismo é capaz de trazer? Então, continue acompanhando e saiba também quais os músculos que você exercita ao andar de bike.

Quais são os músculos que você exercita ao andar de bike?

Os músculos no ciclismo são muito exigidos, afinal, precisamos deles para conseguir mover a bike e ganhar velocidade. 

Nesse sentido, separamos em detalhes o movimento básico de uma pedalada, para você entender quais os músculos que você exercita ao andar de bike.

Primeira fase

É quando começamos a pedalar, exercendo força sobre o pedal para a frente e para baixo. Aqui, nosso quadríceps é responsável por transmitir potência aos pedais.

Segunda fase

Durante a pedalada, o pé se aproxima da parte mais baixa do pedal e a perna se estica para, depois, começar a se retrair de novo. Portanto, os músculos responsáveis por esses movimentos são os gêmeos, os isquiotibiais e os glúteos.

Terceira fase

Ela inicia quando o pé começa a se elevar novamente, sendo preciso puxá-lo para compensar o esforço. Aqui, utiliza-se a musculatura do quadril nesse processo.

Quarta fase

O ciclo se completa e começamos a empurrar para frente novamente, dando início a uma nova pedalada e trabalhando todos os músculos já citados.

No entanto, além desses, é importante destacar o papel do core, do abdômen e das costas. Afinal, o ciclista precisa conseguir se manter na posição correta, com uma boa postura.

É importante ressaltar que conforme pedalamos vamos fortalecendo, consequentemente, o abdômen. Além dele, os extensores da coluna­ e um pouco dos braços e dos ombros.

Os benefícios do ciclismo

Ganhar musculatura é excelente, mas esse não é um dos únicos benefícios que o ciclismo lhe trará. Entre as vantagens dessa atividade estão:

  • Perda de peso, já que pedalar é um exercício de alto gasto calórico;
  • Melhor condicionamento físico;
  • Aumento da disposição e da sensação de bem-estar e alegria, pois quando pedalamos nos livramos do hormônio do estresse, o cortisol, e liberamos os hormônios do bem-estar, serotonina e endorfina;
  • Melhoria na flexibilidade;
  • Melhora a capacidade de foco, concentração e memória, principalmente quando pedalamos em novos trajetos.

O que acontece enquanto você pedala?

Você já sabe quais os músculos que você exercita ao andar de bike. Mas o que acontece com o seu corpo quando você pedala.

Veja abaixo:

  • 10 minutos: os vasos sanguíneos trabalham mais e acontece a irrigação dos músculos;
  • 20 minutos: o corpo se livra do cortisol, hormônio causador do estresse;
  • 30 minutos: o sistema cardiovascular começa a trabalhar com mais potência;
  • 50 minutos: intensificação da liberação de hormônios responsáveis pelo bem-estar, como a serotonina;
  • 1 hora: o seu corpo encontra o perfeito estado de equilíbrio!

Considerações finais

Ao pedalar o seu corpo começa a trabalhar diversos músculos. Portanto, ele funciona como uma perfeita engrenagem. Os músculos que você exercita ao andar de bike se movimentam com intensidade, ativando os biossensores que ficam localizados em todo o corpo.

Sendo assim, o seu cérebro é ativado para liberar comandos essenciais. Por exemplo, para o sistema respiratório ser mais rápido para levar oxigênio aos pulmões.

Por isso, além de ganhar músculos e pernas mais torneadas, o seu corpo todo se beneficia com esse exercício. Afinal, a bicicleta é uma atividade completa, que mexe com todo o corpo.

Agora que você já sabe quais os músculos que você exercita ao andar de bike, que tal iniciar essa atividade?